Projeto Futebol de Rua tem patrocínio da Portonave

Projeto Futebol de Rua (1)

Desenvolver as crianças e estimular a cidadania por meio do esporte. Estes são alguns dos objetivos do Projeto Futebol de Rua, lançado dia 7 de março no Cineteatro do Centro de Artes e Esportes Unificado (CEU) Holde Scartezini. O projeto tem a patrocínio da Portonave por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte.

O Projeto Futebol de Rua é desenvolvido há 10 anos pelo Instituto Futebol de Rua, de Curitiba e já passou por cinco estados. Esta será a primeira vez que o projeto acontecerá em Santa Catarina. O projeto auxilia a desenvolver as crianças em todas as áreas, buscando o aprendizado por meio da diversão e dos bons exemplos. O projeto busca a mudança social por meio do esporte, o drible vai mais que o gol e há o estímulo ao fair-play. As aulas são para meninos e meninas e devem atender cerca de 80 crianças. As crianças que tiverem interesse em participar devem estar estudando e podem se inscrever de 13 a 17 de março, na secretaria do CEU. As atividades vão acontecer a partir do dia 21 de março, as terças e quintas, nos períodos matutino e vespertino.

Parceria no CEU

Além do Futebol de Rua a Portonave está desenvolvendo mais dois projetos em parceria com o CEU. O Projeto Inclusão Digital, desenvolvido por voluntários do Instituto Portonave, destinou oito máquinas para uso das crianças e adolescentes que frequentam o espaço. Cinco estão na sala de informática e três na biblioteca. Todos podem usar, conforme horário de funcionamento do espaço.

O Projeto Inclusão Digital é desenvolvido por profissionais da Portonave desde 2015 e já implantou centros de informática em cinco unidades de Navegantes, doando cerca de 60 computadores. Toda a infraestrutura necessária também é fornecida, além de treinamento para professores e palestra para os pais.

O outro projeto em desenvolvimento é com o Grupo da professora Bianca Alcântara, o Dançando Além do CEU. A segunda edição do projeto vai atender diretamente 25 crianças e adolescentes por meio dos espetáculos de dança, ações de capacitação, formação profissional e inserção no mercado de trabalho.

 

Postado por Melissa
[09/03/2017]